WhatsApp

18997636229

Andradina
Jamil participa de aula inaugural da turma noturna da Escola de Eletricista - A verdade online

Educação

08/11/2016 às 18h33 - Atualizada em 08/11/2016 às 18h33

Jamil participa de aula inaugural da turma noturna da Escola de Eletricista

Adegildo Barros
Andradina - SP
FONTE: SECOM - Secretaria de Comunicação Social

O Governo de Andradina através da SDEER (Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda) participou na noite desta segunda-feira (07) da aula inaugural do curso de formação da Escola de Eletricistas que pela primeira vez acontece no período noturno, e é ministrada em parceria com o IFSP (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia) do Campus de Votuporanga e pela empresa Elektro, realizado no NIAP (Núcleo de Iniciação e Aperfeiçoamento Profissional).



O prefeito Jamil Ono (PT) parabenizou os alunos que participam do curso. “Andradina se expandiu e para dar continuidade a esse processo de crescimento, a equipe de Governo tem garantido parcerias que dão suporte a este desenvolvimento”, citou o prefeito Jamil destacando que o curso é oferecido de forma gratuita e com o diferencial da turma noturna que pela primeira vez permite aos alunos se iniciar no mercado de trabalho e aplicar durante o dia aquilo que aprendem na aula, mas de forma remunerada.



Atendendo as necessidades do mercado no setor energético, o curso chega a uma taxa de empregabilidade próxima de 100%, já que a maioria é contratada pela Elektro, que tem em sua grade de curso aulas que são focadas na segurança com base nas regras da empresa.



Segundo o instrutor da Elektro responsável pelos 20 alunos, além de reconhecido pelo MEC o curso obedece aos padrões de distribuição da Elektro, e assim que formados em meados de junho de 2017, os alunos estarão aptos a exercer o cargo de Eletricistas de Rede de Distribuição de Energia Elétrica.



Para o secretário da SDEER, Ari Guimarães, este curso é uma oportunidade para que todos se sobressaiam no mercado de trabalho. “O Governo de Andradina está sempre se preocupando em criar alternativas e avaliar as necessidades do mercado para esses profissionais, em busca da geração de renda”, afirmou Ari, secretário da pasta.



O curso gera mão de obra especializada em eletrificação, o que significa contratação não só por concessionárias, mas por diversos segmentos que atuam direta e indiretamente.  Esta é a sétima turma presencial e voltado para mulheres e homens, iniciou com 40 alunos, sendo que todos recebem o certificado de eletricista de construção e manutenção (NR10).



Entre os 20 alunos que participam das aulas práticas do Módulo II, Carla Vanessa Roque Cavalcante é a única mulher entre os demais da turma, e Carlos Andrade de Souza, de Santa Rita do Pardo/MS, está a 250 quilômetros de casa, e contou que está muito feliz e teve sua vida transformada desde que iniciou o curso e resolveu mudar de Três Lagoas (MS), onde tem parentes, para se dedicar à nova profissão. “Fiquei sabendo do curso pela internet, e agora que estou me profissionalizando graças a essa oportunidade que o Governo de Andradina me ofereceu e já estou trabalhando também como autônomo durante o dia”, contou Carlos.



O curso de formação de eletricista é composto de quatro módulos de 972 horas de duração, e vai formar os alunos em eletricistas de baixa e alta tensão. Ainda segundo o instrutor Roberto Melhorança, a formação desses profissionais ainda exige mais 772 horas, com 4 horas diárias que serão subdivididas em três etapas, sendo elas: Serviços Técnicos Comerciais, Serviços Técnicos de Restabelecimentos, e Serviços Técnicos de Expansão e Preservação, que completam o ciclo dos quatro módulos.



Esses 20 alunos que participam das aulas práticas foram selecionados através de testes por apresentarem melhor desempenho e perfil exigido pela empresa ao longo do treinamento no Módulo I entre os 40 habilitados que iniciaram o curso.



Ainda estiveram presentes as secretarias de Saúde e Higiene Pública, Jane Martins, de Promoção e Assistência Social, Lucinéia Pereira, de Cultura, Keila Vianna, de Promoção à Cidadania e Direitos Humanos, Kamila Cangussu, de Governo e Gestão Participativa, Denise Silva, de Habitação, Ana Carolina Silva Gomes e o coordenador do NIAP, Roberto Trevisola.


ESTA MATÉRIA FOI VISTA 82 VEZES

Comentários

Veja também

nenhuma Enquete encontrada!

Publicidade

Publicidade

Image and video hosting by TinyPic

Publicidade

Image and video hosting by TinyPic

Publicidade

Image and video hosting by TinyPic

Publicidade

Image and video hosting by TinyPic

Publicidade

Publicidade

© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados

Portal MD Hospeda